junho 23, 2008

O “PARADIGMA SER-FAZER-TER”

Neale Donald Walsch
Tradução: Sandrinha Barroca

paradigma_floraquatica_baldwinpark.jpg O “Paradigma Ser-Fazer-Ter” é um modo de ver a vida. Não é mais nem menos do que isso. Mas essa maneira de ver a vida pode mudar sua vida e provavelmente mudará. Porque o que é verdade sobre esse paradigma é que a maioria das pessoas já o tem inconscientemente e quando elas finalmente o “pegam” sem hesitação e começam a olhá-lo de frente, tudo em suas vidas gira 180 graus.

A maioria das pessoas (eu sei que eu fiz) começa com a compreensão de que a vida funciona assim: Ter-Fazer-Ser. Isto é, quando EU TENHO a coisa certa, EU posso FAZER as coisas certas e, então, EU vou SER o que quero ser.

Quando EU TENHO boas notas EU posso FAZER a coisa chamada “me graduar” e EU posso SER a coisa chamada profissional – pode ser um exemplo. Aqui tem um outro. Quando EU TENHO bastante dinheiro EU posso FAZER a coisa chamada comprar uma casa e EU posso SER a coisa chamada seguro. Quer mais um? Aí vai: Quando EU TENHO bastante tempo EU posso FAZER a coisa chamada tirar umas férias e EU posso SER a coisa chamada descansado e relaxado.

Viu como funciona? Foi assim que meu pai, minha escola, minha sociedade me disseram que funcionava. A vida funciona desse jeito. O único problema era que EU NÃO estava conseguindo SER as coisas que eu pensava que seria depois de ter feito tudo que eu achava que deveria fazer e de ter todas as coisas que eu pensava que precisava ter. Ou, se eu conseguisse ser, só conseguia sê-lo por um curto período de tempo. Logo depois que eu conseguia ser “feliz” ou “seguro” ou “satisfeito”, ou qualquer coisa que fosse, eu me descobria outra vez INfeliz, INseguro e INsatisfeito!

Eu não parecia saber como “segurar a coisa”. Eu não sabia como fazê-la durar. Então sempre parecia como se eu tivesse feito tudo o que precisava por nada. Eu sentia como um esforço desperdiçado e comecei a me ressentir disso em minha vida.

Então eu tive a experiência de conversar com Deus e tudo mudou. Deus me disse que eu estava começando no lugar errado. O que eu precisava fazer era COMEÇAR onde eu pensava que ia CHEGAR.

Toda criação começa num lugar de SER, Deus disse, e eu tinha feito ao contrário. O truque da vida é não tentar chegar a ser “feliz” ou ser “seguro” ou o que quer que seja, mas começar SENDO feliz ou SENDO satisfeito e partir daí para viver a vida diária.

Mas como fazer isso se você não TEM o que você PRECISA TER para ser feliz etc.? Essa é a questão. A resposta é que vir DE um estado de ser em vez de tentar ir PARA um estado de ser praticamente assegura o “ter” final da equação.

Quando você vem DE um estado de ser, você não precisa ter nada para começar o processo. Você simplesmente escolhe, quase arbitrariamente, um estado de ser e então parte DO estado que você escolheu para tudo o que você pensa, diz e faz. Mas como você está pensando, dizendo e fazendo apenas o que uma pessoa que é feliz, satisfeita, ou o que quer que seja, pensa, diz e faz, aquilo que uma pessoa feliz ou satisfeita consegue TER vem para você automaticamente.

Vamos testar e ver se pode funcionar dessa maneira. Digamos que o que uma pessoa quer SER é uma coisa chamada “segura”. Se essa é a experiência desejada, o que podemos fazer é começar da casa do tabuleiro do jogo que diz EU SOU SEGURO. Começamos com essa idéia e esta é a idéia que vai operar por trás de tudo o que fizermos. Nos movemos para a parte SER-FAZER do paradigma.

Quando alguém faz aquilo que apenas uma pessoa segura faria, essa pessoa quase que automaticamente acaba tendo o que apenas as pessoas seguras poderiam ter. Faça o teste algum dia. É intrigante como funciona.

Agora, como você pode SER “seguro” se você não se sente assim? Como, se você não “tem” nenhuma das coisas que uma pessoa “segura” teria?

A resposta é... você decide que É “seguro” – independentemente que seja assim ou não. Então você FAZ o que uma pessoa “segura” faz. Você joga fora todos os outros comportamentos que não se harmonizem com isso. Logo, os únicos comportamentos que ficarão serão aqueles que produzem o resultado. Você parte DE um lugar da mente que cria uma substituição de atitudes e uma mudança da realidade.

Então, procure ver o que você quer SER na vida – isto é, que estado de ser você deseja experimentar. Pode ser mais de um. Mas teste apenas um de cada vez por enquanto. Escolha o estado de ser e se coloque nele. É simplesmente uma decisão, baseada em nada. É uma decisão feita de uma escolha. Pura escolha.

Depois, aja como uma pessoa que é aquilo agiria. Diga as coisas que uma pessoa que é aquilo diria. Faça apenas as coisas que uma pessoa que é aquilo faria. Você vai se assombrar como esse processo é efetivo em produzir o estado de Ter que corresponde ao que você escolheu ser.

[Imagem: foto Lilia Lima]

Posted by Lilia at junho 23, 2008 04:13 PM
Comments